quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

Sobre nós.

Hoje, mais de um ano depois do início do Ainda MininaMá, me dei conta de que nunca tinha nos apresentado. No início, era apenas Patrícia Pirota, mas me senti muito sozinha sem meu eu-lírico mais querido, a MininaMá. E como dito no título, uma vez MininaMá, sempre MininaMá.

Quando criei o blog, o fiz na tentativa de dar um lugar pras minhas palavras passearem. Fiquei com dó das bichinhas, que viviam presas nos meus cadernos e na minha cachola.

No início, ele era quase todo feito de textos do Tudo de Blog, blog da revista Capricho, do qual participo há 3 anos. O TDB me ajudou muito a entender como escrever em um blog; e o principal, como escrever muito em poucas palavras. Além disso, também me trouxe leitoras, e me fez ver que eu não precisava escrever pro outro e me esquecer de mim, mas sim escrever pra mim lembrando do outro.

Com o passar do tempo fui desenvolvendo um jeito de escrever meu, sempre falando sobre tudo, sempre falando sobre o meu mundo.

E então foi chegando mais gente, e a prosa foi ficando mais gostosa, porque passei a conversar com as pessoas, ao invés de conversar com a tela. E como eu gosto de conhecer todas essas pessoas que passam pela minha sala.

No fundo, sei que meus leitores/amigos são a razão de ser do Ainda MininaMá. Porque não saberia mais escrever só pra mim, só pra posteridade. Preciso, e como preciso, dos olhos inteligentes que passeiam por minhas linhas; que completam meus espaços; que colorem os meus brancos.

Hoje, depois de 1 ano e meio, o blog é um samba do crioulo doido. Tem de tudo, quase como aqueles bulichos do interior, em que a gente encontra desde maria-mole com balão até fumo de rolo. E por que ele tem de tudo? Porque eu não saberia escolher só um aspecto da minha vida pra decorar minha sala. Não sou do tipo que escolhe só uma cor de almofada. Preciso de todas.

Na barra lateral, em DA SÉRIE, dá pra ver que aqui você vai encontrar de tudo. E se não encontrar, trás pra cá sua opinião, sua contribuição, seu pitaco. Porque esse não é um blog de uma pessoa só. É uma sala daquelas de mãe, no almoço de domingo, que cabe todo mundo, e onde qualquer pessoa com um sorriso no rosto é bem-vinda!

Eu tenho o costume de trocar as coisas de lugar, então, não estranhe a constante mudança do cafofo.

Por falar em "eu"... Eu sou a Patrícia Pirota. Nasci há quase 27 anos, lá em Dourados, cidade do interiorrrr de Mato Grosso do Sul. Mas foi em Campo Grande, a capital, que cresci. Lá me formei em Letras, pela UFMS, e fui professora por 8 anos. Também fui produtora cultural, jogadora de futebol, atriz e cantora. Só não aprendi a assoviar e chupar cana ao mesmo tempo...

Já viajei muito por esse país, e acabei parando em Curitiba. Hoje sou mestranda/bolsista da CAPES do Mestrado em Tecnologia da UTFPR. Estudo Literatura e História em Quadrinhos. E a cada dia me divirto e aprendo mais.

Moro sozinha. Na verdade, moro com as minhas plantas, que já formam um time de futebol. [tenho 12 tipos de almas verdes espalhadas pela casa] Saí da casa dos pais em setembro de 2007, e desde então tenho aprendido e sofrido muito. Já dei muita risada de mim mesma. Já chorei horrores. Mas o mais importante é que vivi e continuo vivendo muito, na esperança de deixar minha assinatura nesse mundo.

Do que eu mais gosto? De prosear. Tomar aquele café fresquinho, acender meu MarlboroVermelhoMaço, e prosear sem tempo pra acabar.

Por falar em prosear, deixa eu ir ali passar um café. Enquanto isso, sente aí na rede e fique à vontade.


Ah! Essa aí de cima sou eu! E se quiser conhecer a nossa sala, é só dar uma olhadinha nesse post AQUI.

4 comentários:

  1. Estou passeando pelo blog renovadinho e novinho em folha. :)
    Tô gostando de ver... ehehehe...
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Olá Patrícia, vim conhecer o seu cantinho muito BEM falado nos blogs que visito, como Bicha Fêmea, Feito a Mão, Mundinho Particular...
    E olha, tô gostando daqui viu? Vou ler mais um pouquinho, conhecer mais, me situar!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Passando e olhando o seu blog. Vida de quem vive sozinho não é facil, vivo assim também faz algum tempo, mas é assim que se vive nesse mundo do samba do crioulo doido.

    Muito legal a sua pagina ;D

    ResponderExcluir
  4. Olá Pat, tudo jóia? Estava de bobeira na net, achei este blog show de bola e tive uma agradável surpresa em saber que é seu! Muito legal mesmo!!! Sinto saudades suas e gostaria de manter contato contigo de alguma forma. O meu mail é alexandre.ourives@gmail.com. Abraços, beijos e tudo de bom pra vc...ah! e algumas maldades tbm...rsrsrsrsrs, té mais!

    ResponderExcluir

Entre e fique à vontade!
'Bora prosear, porque esse blog também é seu.
Obrigada por sua visita, e por sua opinião.
Seu comentário será respondido aqui, nesse espacinho, assim que possível.
Um beijo procê!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...