sábado, 7 de março de 2009

No escurinho do cinema [não anônimos s/a]

Há muita coisa nessa minha vida da qual eu me envergonho. E tantas outras nas vidas alheias também... Já senti muita raiva e engoli a seco, sem coragem de destilar o fel que descia vagarosamente pela minha garganta. Amigos da onça. Impunidades. Grosserias. Falta de educação. Falta de vergonha na cara. Todas as coisas contra as quais eu quis gritar e não o fiz. E se hoje eu pudesse fazê-lo anonimamente, não o faria. Por quê? Porque seriam só palavras. Fatos. Sentimentos. Todos sem nome. E sem o meu nome, eles já não seriam meus. Assim, prefiro escrever e falar apenas quando sei que meu nome arcará com as consequências. Apenas as palavras que me representarão a alma. Todas devidamente não-anônimas. Afinal de contas, eu gosto do escurinho do cinema pra fingir que sou a Jolie. Mas prefiro os holofotes pra assumir quem sou.

Destilado especialmente para o Tudo de Blog [O que você postaria anonimamente? Ou: o que vc tem muita vontade de escrever (seja para desabafar, mandar recado para alguém, etc) no seu blog, mas não gostaria de ser identificada(o)?]

2 comentários:

  1. Não sei o que eu postaria anonimamente não... Sei lá, tai, vou pensar tb...

    Bjs e Feliz dia das Mulheres

    ResponderExcluir
  2. Amiga
    Não consigo ser anônima. Nem aki e nem virtualmente. Relaxe... vc é maior do q tds os sapos da vida
    besos
    Nanna

    ResponderExcluir

Entre e fique à vontade!
'Bora prosear, porque esse blog também é seu.
Obrigada por sua visita, e por sua opinião.
Seu comentário será respondido aqui, nesse espacinho, assim que possível.
Um beijo procê!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...