quinta-feira, 23 de abril de 2009

Salve São Jorge!

É sabido nesse mundodemeudeus que eu tenho o coração de gengibre. Que eu não sou nem de longe a última das românticas. Que eu prefiro encher a cara com meus amigos do que passear de mãozinhas dadas no shopping [Velho! Prefiro ter um filho VIADO do que um filho que se arrasta a passos de tartaruga no shopping!]. Que eu nunca falei de namorado por esses lados da internet. Daí tem gente que acaba achando que eu sou uma freira [É claro que quem não me conhece que me compre!], ou então uma super vadia. Pois bem, não sou nenhuma das duas. Aliás, como cantaria Maria Rita, "minha força não é bruta, não sou freira nem sou puta".
Já tive alguns namorados "sérios" [haja aspas nesse sérios!], com os quais fiquei a quantia de admiráveis 2 meses. Nenhum desses ilustres cidadãos guarda boas recordações da minha ilustre pessoa. E eu não consigo entender o porquê. Eu sempre fui muito sincera, muito honesta [do jeito que papai ensinou]. Quando não dava mais, falava pro caboclo "olha filho, você vai me desculpar, mas não vai dar mais não!". Daí os manés começavam a chorar! Putaqueopariu bicho! Vai chorar nos quintosdosinfernos! Tudo bem, o cara gostava de mim e tal, agora vai dizer que 2 meses juntos é tempo o suficiente pra uma pessoa não viver mais sem a outra?! [Tá! Tá! Eu sei que rola todo o lance de alma gêmea e essas coisas. Mas pra ser gêmeo não precisa de dois?!] Dois meses não é nem uma estação inteira, cacete! Mas vai falar isso pro estrupício que espalhou fotos minhas pela cidade inteira [exatamente no estilo Amelie Poulain] na esperança de eu voltar pra ele! E sabe o que é pior?! O cara achar que aquilo ia me ganhar! Quá! [Isso já tem uns 2 anos. E se a criatura ler isso e começar a chorar, é bom pra aprender que a vida não é docinho não!].
Outra coisa que me irrita horrores é neguinho me querendo como prêmio. Só porque eu sou uma mocinha independente, que gosta de ficar sozinha na maior parte do tempo, tem mano que acha que tem o dever cívico de me conquistar e depois me dar o pé na bunda pra "vingar" os companheiros machos. Elaiá viu. Não sei o que se passa na cabeça desses seres. Mas sei o que passa na minha, e, com certeza, não é vontade de gastar nem 5 minutos com um tipinho desse.
Agora quer ver eu ficar puta, é um moçoilo começar a conversar comigo, inicialmente falando sobre coisas bacanas, e logo depois vir "soltando as asinhas", jurando que eu vou cair na rede! Geralmente eu me faço de desentendida, tento ser colega do cara, mas depois de um tempo, se o peão não se tocou que comigo só rola conversa sobre futebol, música e cachaça, adiós muchacho! Agora me digam, está escrito na minha testa "Eu preciso de um mala do cacete querendo me pegar"?! Agorinha olhei no espelho e juro que não vi.
Eu não estou no mercado, porra! [meus abraços já são de um moço bonito, by the way] Coé a dessa rapaziada?! Será que eu não posso mais conversar com ninguém do sexo masculino [salvo minhas queridas e raras exceções!] sem que o ser queira ser meu amorzinho?! Ora bolas!
Tem gente que diz que eu sou insensível demais. Que não me importo com o sentimento alheio. Que eu devia ser mais amorosa. E sabe o que eu digo pra essas pessoas: Váproinferno! Não é porque eu não sou docinha, lindinha e florzinha que eu não tenho sentimentos. Tenho sim. Eu só não sou "marriage material" [a não ser pra alguém exatamente unmarriage material como eu...]. Sinto borboletas sim! Me emociono quando o meu São Paulo ganha ou perde. Choro de saudades do colo da mãe e do pai. Sinto uma saudade do cão das pessoas que me são queridas. Digo pros meus amigos o quanto os amo. Sorrio pra quem merece meus sorrisos. Mas eu acho que eu tenho o direito de escolher as pessoas que merecem meu amor, minha atenção e meus sorrisos...
É claro que um dia eu quero que meus olhos brilhem. Que eu quero conseguir ficar mais de dois meses com um moçoilo. Que eu quero abraçar alguém até o mundo acabar. Que meu coração de gengibre goste de alguém. Mas não sou caso de caridade, uai! Não preciso que as pessoas queiram me salvar do reino escuro da solteirice. Um dia [nem tão tão distante] aparece um príncipe, eu o transformo em Shrek, e seremos felizes enquanto durar.
E como ando precisando de proteção, SALVE SÃO JORGE! Hoje é dia do santo guerreiro. Que ele me ajude a me livrar dos dragões que encontro pelo caminho!

E vocês, minha gente. Já passaram por essas aporrinhações? Me explica como faz pra eu me livrar dessa uruca, please!

Companhia musical: Anarchy in the UK - Sex Pistols


10 comentários:

  1. Querida, você como sempre inspiradora ao extremo. Sabe que aquele seu último texto eu me identifiquei tanto que até me inspirei a escrever tb. Obrigada de coração!
    Beijos mil,
    Isa

    ResponderExcluir
  2. Então isso é o fim? ='''(

    huahauhauhua...
    elaiá Paty! sempre destilando, né!?
    vou ficar feliz se tiver sido lembrado nas raras exceções, sei que fui!
    Hoje acordei bonito e convencido!
    euehuehuheuheu....

    e um dia eu te explico o que você desperta nos machos da terra!
    beijo beijo!

    ResponderExcluir
  3. NOSSA O POST AÍ DE CIMA ME DEIXOU CURIOSA?
    O QUE UMA MULHER SINCERA E INTELIGENTE DESPERTA NOS MACHOS DA TERRA?
    ACHO QUE ISSO É UM DESAFIO VIA BLOG ALHEIO!
    BEIJO PATRICIA, PQ EU NÃO CONSIGO TE CHAMAR DE PATY

    ResponderExcluir
  4. Esse teu último texto eu me diverti muito, kkkkk. E concordo com vc, tb ando sem paciência para esses dragões que me aparecem, rs. Depois passa lá no blog. Tem uma surpresinha para vc!
    Beijos da amiga,
    Isa

    ResponderExcluir
  5. p.s. Só agora eu descobri que você descobriu meu outro blog! huheuheu..
    até atualizei de tanta emoção!

    ResponderExcluir
  6. São Jorge nos ilumine sempre na luta contra os dragões!
    x)

    ResponderExcluir
  7. Sabe uma coisa que eu não suporto [e continuo não suportando quando fazem isso com minha irmã] é aquele tio chato ducaraleo que sempre pergunta "tá namroando?", sabendo que vc NÃO ESTÁ! Depois ele ri e fica falando com o seu pai sobre como o SEU namorado deve ser... Um tio meu uma vez me falou: "ele tem que ganhar muito dinheiro..", daí eu revidei: "por isso que escolhi um traficante de drogas.."... Hahahahahaha
    Quem disse que pra ser feliz é preciso estar acompanhado? Lembro de qd minhas amigas falavam que já tava na hora de eu beijar, ficar com fulano e ciclano.. ainda bem que eu esperei e segui meus princípios... hj sou feliz com quem eu quero e te apoio totalmente... Manda esses moleques praquele lugar.. xD
    bjusss
    adorei o texto!! =]]

    ResponderExcluir
  8. uehuehuheuheu,
    esse seu vocabulário me faz rir muuuito !
    sinceramente ? Cabe a você descobrir como se livrar ... Talvez quando a pessoa certa aparecer, por exemplo !

    ResponderExcluir
  9. a isabela tem razão, vc. é bem legal! até pra mim, que poderia ser sua mãe...rsrs

    ResponderExcluir
  10. Perfeiiitooooo....
    É isso ai, esses boyzinhos tem q aprender q uma mulher pode se dar muito bem sozinha e se divertir muito só com amigos e um grande copo de cerveja.. ^^
    Nada como a sinceridade, manda logo eles pastarem e segue em frente.... e esse conselho serve até pra quando passarem os 02 meses.

    SALVE JORGE e afaste de nós esses dragões.

    ResponderExcluir

Entre e fique à vontade!
'Bora prosear, porque esse blog também é seu.
Obrigada por sua visita, e por sua opinião.
Seu comentário será respondido aqui, nesse espacinho, assim que possível.
Um beijo procê!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...