segunda-feira, 6 de abril de 2009

Segunda-feira maldita!

Segunda-feira. Tarde de outono em Curitiba. Eu, como todos os brasileiros de alma, tenho milhares de coisas pra fazer. Meu cesto de roupa suja sumiu, devido a quantidade de roupas que estão por cima dele. A cama ainda está desarrumada. O almoço tem que ser feito. Os textos do mestrado estão na mesa, me olhando com cara de abandonados. O esmalte de minhas unhas está pela metade. Há cartas de amigos que precisam ser escritas. E eu estou postando no blog [e há pouco estava fazendo um teste pra saber se meu cérebro é masculino ou feminino, mas isso é assunto pra outro post].
Por que diabos a gente é assim? Ou, mais precisamente, por que todo demônio de segunda-feira eu fico assim? Normalmente sou uma pessoa pra lá de sistemática. Tenho agendas espalhadas me lembrando de tudo o que tenho pra fazer [e sim! Eu vejo minhas agendas todo o dia]. Tenho horários e dias da semana marcados pra tudo. Nunca esqueço de levar o lixo pra fora. Sempre respondo e-mails assim que eles chegam. Mas na segunda-feira, não há santo nem demônio que me faça esquecer da sutil arte da procrastinação. Ainda bem que a música é "Every day is like sunday" e não "Everaday is like monday"!
Toda Segunda penso em descobrir por que raios ela é tão perseguidora. Se Murphy criou alguma lei sobre ela. Se há algum carma cósmico em sua geração. Ou se é pura filhadaputagem comigo. Mas daí na terça eu volto ao normal, e deixo pra lá. Será que fazemos parte da Geração Garfiled? Será que somos tão influenciados por cartoons ao ponto de tomarmos para nós os hábitos de um gato gordo e laranja? [Em tempo: Eu amo Garfield!]. Não sei. Só sei que a segunda é uma filhadaputa! É sempre na segunda que eu derrubo pó de café no chão. Ou que quebro alguma coisa. Ou que me recuso a fazer minhas obrigações. Ou que perco o ônibus. Ou que sinto vontade de surrar algum estrupício [mentira! Essa última é recorrente em todos os dias da semana].
Eu não tenho problemas com o domingo. Afinal de contas, é dia de futebol e de ver meu São Paulo ganhar [ou empatar, como ontem. Maaaas, estamos na frente das galinhas!]. No domingo eu fico preguiçosa, assumo, mas sorridente. Na segunda fico preguiçosa e mal humorada. E olha que eu nem tenho que acordar às 6 da matina pra trabalhar! Lembro quando tinha. Ócéus! Que inferno era acordar segunda de manhã e ir dar aula pra adolescentes tão sonolentos quanto eu! Até que inventei a hora da soneca. Deixava eles "descansarem os olhos" por 10 minutos. Uma baita invenção, já que depois da soneca, os bichinhos não podiam reclamar que estavam com sono...
Eu juro que já tentei amar a segunda-feira. Pra ver se mudava alguma coisa. Mas quá! Com essa vadia não tem nem amor nem ódio. É sempre o mesmo martírio. Hoje já tomei um litro de café. Já fumei incontáveis cigarros. Já ouvi Beethoven, Black Sabbath, Adoniran Barbosa. E nada de animar. No fim das contas, eu tenho duas opções: dormir até amanhã [se o Garfiled pode, oras!] ou ir lavar a roupa. Como depois de 1 litro de café eu não vou conseguir dormir, o jeito é ir lavar a roupa. Mas, quer apostar quanto que assim que eu estender a roupa bonitinha no varal vai começar a chover?! Elaiá...

E você, também tem problemas com a Segunda-feira?

Companhia "musical": o barulho infernal da obra no terreno ao lado [que, aliás, foi o meu despertador.]

3 comentários:

  1. E eu enquanto leio seu blog, fumo meu cigarro sossegadamente (pra que fui inventar de começar meudeus), com um monte de matérias em cima da mesa pra estudar! Aff.. Também odeio as segundas-feiras!

    Bjão Pati!

    ResponderExcluir
  2. Você acordou Garfield e eu fui dormir Mafalda!

    ResponderExcluir
  3. Nossa nem fala,odeioooo,tbm.
    É pedir muito dormir,um pouco mais.
    Ainda bem que os tempos de escola,já acabaram.
    Rs.Enquanto isso e a briga minha e da danada segunda!

    beijos (sua seguidora)

    ResponderExcluir

Entre e fique à vontade!
'Bora prosear, porque esse blog também é seu.
Obrigada por sua visita, e por sua opinião.
Seu comentário será respondido aqui, nesse espacinho, assim que possível.
Um beijo procê!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...